• Ely Carter

O Triunfo da Gentileza



Um peixe foi contar para outro peixe que vira uma borboleta desmaiada na beira do rio e que ele dera umas cambalhotas dentro d’agua na esperança que a borboleta se molhasse com gotas e acordasse.


A borboleta tinha se assustado com um rugido de tigre que sem querer pisara num espinho de porco-espinho que passava por ali.


O porco-espinho naquele dia se sentia chateado e quando se sentia ameaçado ele mandava espinhos para todos os lados e os animais estavam preocupados com essa sua reação.

O fato é que ele queria ser acariciado como um coelho - angorà, animal fofo como algodão que parecia mais uma ovelha de tanto pêlo que tinha.


O tal coelho não estava preocupado com a solidão do porco-espinho, pois fora convidado pelo hamster – anão, fiel companheiro para o chá no Panda Bistrot.


O panda Bistrot um lugar onde os três irmãos pandas vendiam guloseimas preparadas com bambu. Quem é que não se derretia diante de uma xícara de "bamboochoc", feita com refinado extrato de bambu, chocolate e baunilha? E como não apreciar bastõezinhos de bamboo cobertos de chocolate? E quem poderia resistir torta de bambu, maçã e canela?


Assídua frequentadora do Panda Bistrot, a lagartixa - leopardo não resistia a tentação de se olhar no espelho, era muito fotogênica, acabara de vencer o concurso de “Miss Sorriso” da floresta.

O seu maior admirador era Bob Beija-Flor, que não parava de fazer acrobacias e a cada dia inventava uma dança nova, a última que ele inventara se chamava “passos do cavalo-marinho”.

O hamster naquele dia convidara o coelho – angorá para dizer a ele que encontrara uma solução para ajudar o porco-espinho e tirou da bolsa um par de luvas. O coelho, que até aquele momento não sabia do problema se sentiu sensibilizado e resolveu colaborar e mobilizar a bicharada para uma jornada especial. Uma jornada dedicada ao porco-espinho. No entanto, conversavam os amigos, nada impedia que esta iniciativa se tornasse uma coisa fixa, uma visão a ser compartilhada com quem fosse interessado. Mas isso era uma coisa que seria definida depois, o foco agora era organizar as coisas.


Visto que as borboletas são especialistas em embelezar tudo por onde passam, ninguém menos que a Sunset Moth, a mais bela borboleta, poderia ser a mais competente para ter a responsabilidade de organizar o evento tão bonito.


Os irmãos panda ofereceram o salão de eventos do Panda Bistrot como lugar adequado para receber os convidados.


Como todo grande evento precisa de um cerimonialista, a lagartixa - leopardo quis contribuir com a sua presença carismática e o beija-flor ficou encarregado de organizar um espetáculo de danças, chamaria as abelhas e bentevis para dar uma mão no coral que seria dirigido pelo sabiá!


Sunset Moth, a borboleta, usou toda a sua graça e eloquência, além da sua fala doce e articulada, pesou cada palavra para convencer o tigre a esquecer o incidente e o informou que ele era um convidado de honra. Assim que foram informados que o tigre aceitara o convide o Coelho e Hamster foram falar com o porco-espinho.

Ao receber os animais na sua toca, ele não entendeu nada do que estava acontecendo, mas aceitou a ir ao Panda Bistrot, para tomar um chá e participar do evento, a um tal festival de danças, que, na verdade, era a desculpa que o coelho e o hamster deram.


Meio tímido, se encaminhou ao local. Chegando lá, viu estar tudo fechado, as luzes apagadas. Olhou para o relógio e se certificou que o horário era correto. Engoliu seco e abriu a porta.


De repente as luzes se acenderam e quão feliz ele ficou ao ver todos os amigos com um par de luvas nas patas. La no alto tinha uma faixa escrito: "Para um abraço ou uma carícia, sempre encontramos uma solução!" A borboleta olhou para o hamster e deu uma piscadinha pelo triunfo da gentileza.




15 visualizzazioni0 commenti

Post recenti

Mostra tutti

Feliz Natal!

O Perfume